fbpx

O Outro

Por que Ramana Maharshi diz que não há "outro"?

Meu palpite educado é que um determinado aspirante precisava ouvir isso naquele momento para livrá-lo/a da crença errônea de que a pessoa é uma entidade separada. E, ao fazer isso, liberar o aspirante do sofrimento psicológico e estabelecer o aspirante em Tranquilidade Impessoal.

Não existe uma entidade separada chamada “eu”. Nem para o sábio nem para ninguém mais. Portanto o “outro” é um conceito, assim como “eu”. Útil e necessário para fins práticos e funcionais. Irrelevante e obstrutivo em termos de Auto-Conhecimento.

fish-red